Sexta, 13 Maio 2016 13:20

Mulher comum

Escrito por
Avalie este item
(2 votos)

Eu sou apenas uma mulher comum, de hábitos diferentes. Tenho medo, muitos, mas sempre que posso os enfrento, ainda não aprendi a recuar quando devo.

Minha vida nem sempre foi perfeita e por isso perco as esperanças de vez em quando. Tenho angústias, conflitos, ansiedades, questões bem e mal resolvidas e também por isso prefiro acreditar no presente. Tenho muita dignidade, tenho orgulho, falo sempre a verdade. Não tenho tempo para jogos e artimanhas, eu trabalho. Me cansa remar contra a maré, as vezes, preciso encostar o barco. Não acredito que o tempo resolve tudo, o tempo apenas tira do centro das atenções, mas permanece sem solução. Acredito em amores nus, acredito em pessoas transparentes, acredito em pessoas que me olham nos olhos. Acredito que a verdade, ainda que seja apenas a minha verdade, é sempre a melhor maneira de me expressar, é nela que me exponho. Gosto de me expor, gosto de quem se expõe, é gente difícil vivendo de forma fácil. Gosto de falar dos meus sonhos, meus desejos e minhas indignações. Preciso de gente que fale e que ouça e nunca se cale. Preciso sonhar sempre com os pés enterrados no chão. Preciso amar sempre.

Amo você

Lido 516 vezes Última modificação em Terça, 07 Junho 2016 14:27
Rita Müller

Arquiteta que adora escrever cartinhas, apaixonada pela vida e pelo trabalho e com energia para dar e vender.

Profissão: Arquiteta

E-mail: ritammuller@hotmail.com

Mais nesta categoria: Enganamos o tempo »

1 Comentário

  • Link do comentário Anna Bruni Terça, 18 Outubro 2016 05:08 postado por Anna Bruni

    Com todo respeito que a autora merece, isto não é um conto. Fala na primeira pessoa, e me parece um texto escrito numa folha comum de um diário. Pode ser considerado, no máximo, uma micro-crônica, e é um relato pessoal, sobre descrições pessoais unicamente.Mulher comum pode ser o título, mas o texto não pode ser comum. Muito fraco.

    Relatar

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.