Fantasia
Sábado, 29 Outubro 2016 11:17

A Morte do Vampiro

Eu sou psiquiatra. Ou costumava ser, antes de ter o meu registro cassado pela Ordem dos Psiquiatras do Brasil.

Quarta, 26 Outubro 2016 21:15

Skyline Pigeon

Há algumas coisas nesta vida que não entendo.

Terça, 25 Outubro 2016 22:29

Badra

A noite foi agitada. Não pude pregar meus olhos por sequer um segundo, devido à sensação de culpa. Na cama ao lado, Trondira se virava de um lado para o outro. Decidi perguntar:

Segunda, 24 Outubro 2016 19:14

Um Reino de Monstros Vol.1- Cap. 01

Parte 1

Tell apontou a mão direita para o alvo e se certificou de que não erraria. Depois firmou o pé direito no chão, pôs o esquerdo um pouco atrás e respirou fundo.

Quinta, 20 Outubro 2016 19:48

Um Reino de Monstros Vol.1- Cap. 02

Parte 1

Passada a rede de esgoto, para admiração de Tell e Saragat, eles chegaram até o que po-dia se passar por uma cidade.

Segunda, 17 Outubro 2016 14:51

O Planeta Azul

Ele saiu de seu “bunker”, 30 metros abaixo da superfície, e suspirou ao ver aquela desolada região. Era um deserto de pedra e ele não sobreviveria ali nem dez minutos, não fosse a roupa especial que usava.

Sexta, 14 Outubro 2016 11:47

Conto da Bela

Num mundo imaginário, cheio de coisas impossíveis, existia uma menina super poderosa chamada Bela, que podia transformar tudo em que ela imaginava.

Sexta, 14 Outubro 2016 11:38

Um por todos

No povoado de Circus, Assobié acabara de desembaraçar o episódio que vinha convulsionando o cotidiano da população local. À época da ocorrência, há séculos, as informações não venciam as distâncias com tanta facilidade. Então, foi só por coincidência que Timo, o mercador vindo da aldeia Solidarius, pôde ouvir tudo sobre o mistério sobrenatural elucidado pelo estrangeiro. Impressionado com as habilidades de Assobié, foi imediatamente procurá-lo para repassar suas próprias notícias.

Sexta, 14 Outubro 2016 11:26

Paragrafo Onírico

Toni estava feliz, verdadeiramente feliz. Estacionou o velho jipe na beira da já desfalecida estradinha de terra e seguiu a pé, o sol resplandecia às 15h e algumas poucas nuvens indicavam que o dia continuaria belo e acomodado. A distancia, já podia ver o Vale da Corcova, vale de tantas boas memórias e aprendizados, irresoluto em sua beleza e imutável em sua serenidade. Era muito simples se deixar levar pelo lugar, se desenhando como uma colcha de retalhos, a grama raspava em seus joelhos, grama alta, alta do tipo que vive e cresce e respira, preenchida em seus meios pelas mais diversas cores de flores, estendendo-se até onde os olhos alcançavam. No horizonte, os dois famosos montes da Corcova que desenhavam o vale, entre eles um lago. Toni se lembrava de quando ele e seus primos corriam por essa colcha de retalhos e chegavam ao lago no que parecia ser apenas alguns minutos, e despreocupados, se atiravam na água doce, onde ficavam até a lua os expulsar, desenhando sonhos nas nuvens e rindo um dos outros até que não houvesse mais risadas em sua caixa de risadas. Toni estava feliz, verdadeiramente feliz.

Sexta, 14 Outubro 2016 11:09

O Caçador de Histórias

Hoje o dia esteve com as características que necessito para poder ganhar algum dinheiro. Passei o dia a apreciar com alguma angústia o tempo cinzento, um puro sinal que o verão acabara.

Página 2 de 7